Install theme
Eu gosto do seu modo doido de ver as coisas, da sua maluquice inconsequente, dos seus domingos sem parentesco com segundas-feiras. Você é tão jovem, tão brisa, tão sadia. Eu gostaria de ser assim também. Porque enquanto você pensa em transar, eu só sei ter medo de pegar alguma doença, de ser surpreendido por uma dupla de assaltantes, do breque desengatar e a gente só parar no pilar de um quiosque. Metade do nosso tempo juntos eu ocupo errando, e a outra metade tentando me redimir. Você pertence àquele grupo de pessoas que quando são pegas de surpresa por um temporal, caminham na chuva levemente com a ponta dos pés e purificam suas almas. Eu apenas sou diagnosticado com pneumonia e preciso de antibióticos de amplo espectro. Às vezes eu queria estar na tua pele. O verão já vai chegar e eu ainda estou na posição inverno.
Gabito Nunes.  (via d-r-o-g-a-d-a)
Eu me pergunto se amanhã vai ser diferente.
Cidades de Papel.    (via v-ersificarei)
Eu não posso prever o futuro. Não tenho bola de cristal, e não sei ler mãos. Mas eu te garanto que, eu sempre vou estar aqui. Te amando, te cuidando, te querendo. Pra sempre.
A Cabana.    (via acidentalmenteapaixonada)
-Tchau amor
-Tchau
-Tchau amor
-Fui
Não brinca comigo. Eu não sei brincar.
Ingrid Reinehr   (via e-scuchar)
C    renovador